Há uma revista que vai deixar de existir | Goodbye Cosmopolitan

1/06/2017

Ainda vamos na primeira semana do ano e já vos trago más noticias.
A revista Cosmopolitan vai deixar de existir em Portugal.
O Diretor-Geral, João Ferreira adiantou que “a Cosmopolitan chegou ao fim. O mercado está saturado e não vale a pena insistir”. 
O que na minha opinião isto pode querer dizer, que não acompanharam o ritmo do mercado, não inovaram e não ouviram o cliente (leitores), não fizeram estudos de mercado em busca do que os leitores querem numa revista, quanto estão dispostos a pagar por ela. Deviam ter "ouvido mais" e terem-se preocupado mais nos números. Just saying.
Além disso, não tiveram a decência de fazer um comunicado público, deixaram simplesmente que outro meio de comunicação falasse ao mundo, em vez de darem a cara a todos os seus clientes que compraram a revista durante anos e que se calhar até têm alguma ligação a ela como vi em alguns comentários na notícia.

Mais infos sobre este assunto clicar aqui.


Infelizmente, ainda vão ouvir mais noticias destas brevemente, principalmente do grupo Impresa que já andam a despedir muitos jornalistas com muitos anos de casa,
Parece que o público já não gosta de ler material físico e prefere conteúdo online e...grátis! A triste e cruel verdade é que a internet e no geral de toda a sua tecnologia, está cada vez mais a tirar empregos a muita gente,
As empresas devem adiantar-se e fazerem planos de contenção e de mudança antes das coisas acontecerem e serem necessários despedimentos.  Devem estar à frente no mercado, ou pelo menos acompanhar o passo. 

You Might Also Like

4 comentários

  1. Tenho muita pena por ler esta notícia, porque a cosmopolitan era uma revista que acompanha há alguns anos. E acho muito mal, não informarem os seus leitores pela revista.

    XOXO
    ANNIE
    http://queenneverland.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Já tinha lido a notícia e não me deixou "triste" porque é revista que não acompanho, no entanto lembrei-me logo que iria levar várias pessoas ao desemprego, e isso nunca é bom.

    ResponderEliminar
  3. Não fazia ideia! Mas a verdade é que há imensa concorrência e cada vez mais pessoas a optarem pela leitura de revistas online.

    ResponderEliminar
  4. Não sabia, tou a saber por aqui. Não acompanhava a revista mas sendo da área de comunicação/jornalismo acho sempre triste quando uma publicação acaba.

    ResponderEliminar